3 de janeiro de 2011

Pello Menos


Depilação (especialmente das “partes íntimas”) é uma coisa meio constrangedora, não? Eu acho que sim. Por conta disso, durante muitos anos da minha adolescência eu recorri a produtos vendidos em perfumarias e farmácias (ceras e cremes, principalmente), Gillette e até mesmo a depiladores elétricos para acabar com os pelos que nascem nos lugares “errados”.   



Mas, verdade seja dita, nunca ficava completamente satisfeita com o resultado. Com exceção do buço, que durante muito tempo depilei com um creme maravilhoso da Helena Rubstein (que não existe mais) e depois com umas folhinhas (comentamos neste post aqui), para todas as outras áreas do corpo eu achava que a balança do “custo x benefício” estava pesando negativamente para o meu lado: passava um tempão para me depilar e depois sempre achava que o resultado não estava 100%.
Até que, após uma intensa pesquisa de opinião com as amigas, decidi ir a um instituto de depilação. Sofri, eu confesso! Considero-me uma pessoa tímida, então fiquei semanas planejando como ia dizer à recepcionista que gostaria de depilar a... "perseguida". Isso foi há uns 8 anos e escolhi para iniciar a aventura um lugar que vivia às moscas perto da minha casa, afinal não queria ter que encontrar outra pessoa. Para mim, seria tão constrangedor quanto encontrar os pais de um amigo no motel.
Não sem um pouco de vergonha, depois da primeira experiência, entendi que não havia nada demais em depilar a "coisinha" e escolhi um lugar bombado: Pello Menos. Foi a melhor escolha que eu poderia ter feito.
Para vocês terem uma ideia, na segunda-feira antes do réveillon, em Botafogo, com a filial lotada, esperei menos de 15 minutos para ser atendida. Já frequentei de vários bairros: Centro, Tijuca, Ipanema. Da recepção às cabines, todas as funcionárias são educadas. Nem sempre são megasimpáticas, é verdade, mas são sempre educadas e atenciosas e deixam você muito à vontade. Das várias vezes que fui lá, nunca fiquei insatisfeita com o resultado.
O atendimento é rápido e a preocupação com a higiene é perceptível (eles depilam com cera quente). Acho o preço um pouquinho mais caro do que em outros institutos de depilação (perna inteira custa R$ 26,00 e sobrancelha R$ 18,00), por isso acho que não vale a pena depilar buço e sobrancelha lá, por exemplo. De resto, recomendo!
Você conhece a Pello Menos? Conte-nos sua experiência.
Postado por Mariana

4 comentários:

  1. Eu nunca fui na Pello Menos. Engraçado, eu achava até que era mais caro. Sobrancelha ser uns R$ 30, algo assim. Ela é muito bem recomendada aqui no Rio.

    ResponderExcluir
  2. Já acho R$ 18,00 muito caro! Só faço sobrancelha lá qndo a coisa fica feia (literalmente), Rafa!

    ResponderExcluir
  3. Eu sou freguesa assídua dos institutos de depilação.
    Faço a cada 20 dias. É ótimo. E gosto da Pello Menos mas prefiro a Pelo Zero. É mais barata e o atendimento é muito melhor. Só vou na Pello Menos quando estou com pressa pois tem uma filial em cada bairro. Fora isso a Pelo Zero é bem melhor. Confiram e vejam se concordam.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Ísis. Quem bom receber dicas. Com certeza vou experimentar e depois conto o que achei. Obrigada e volte sempre. Beijos

    ResponderExcluir