7 de agosto de 2013

Livro O Caso Rembrandt – Daniel Silva

Recebemos pela nossa parceria com a Carol, do Blog Entre Livros, o Caso Rembrandt, de Daniel Silva

Sinopse: “Em Glastonbury, na Inglaterra, um restaurador de arte é assassinado e a obra em que trabalhava – um quadro de Rembrandt nunca exposto – é misteriosamente roubada. O renomado negociante de arte Julian Isherwood sabe que só existe uma pessoa capaz de encontrar o quadro e levar os criminosos à justiça: o espião israelense e restaurador de arte Gabriel Allon. Após sofrer um atentado, tudo o que Gabriel quer é cortar de uma vez por todas os laços com o serviço de inteligência internacional de seu país, também conhecido como “Escritório”. Mas parece que o mundo das operações secretas ainda não está pronto para deixá-lo em paz. Apesar de sua relutância, ele acaba sendo persuadido a assumir o caso. Ao seguir meticulosamente as pistas que o levam a Amsterdã, a Buenos Aires e, por fim, a uma mansão às margens do lago Genebra, Gabriel descobre segredos perturbadores relacionados ao roubo. Neste intrincado quebra-cabeça, a pintura de Rembrandt é a peça-chave que o ajudará a desmascarar uma conspiração capaz de pôr em risco a paz mundial”

O roubo de um quadro do pintor Rembrandt é o pontapé para os personagens esmiuçarem uma série de fatos, crimes que interligam organizações, pessoas e outras nações. Além de o quadro fazer parte de parte sangrenta da história do mundo. 

Usando fatos e relatos que aconteceram realmente, Daniel Silva vai criando uma ficção de espionagem e inteligência, sem a necessidade de descrever cenas e mais de cena de perseguição, tiroteio e mortes. 

Não sei se estou acostumada a lidar com livros mais policiais, que mostram mistérios, mas senti falta de perseguir as pistas, montar o quebra-cabeça com os personagens. Como recebemos as informações fáceis demais, não senti a emoção ou o suspense do “ih, será que eles vão conseguir?”. Como falei, talvez seja pelo tipo de leitura a que esteja acostumada, mas senti falta dessa “aventura”. 

Testado por Rafaela

4 comentários:

  1. olha nao conhecia esse livro, mas normalmente em livros policiais(gosto bastante), essas reações de “ih, será que eles vão conseguir?” ou cacete agora FU... rsrsrs não faltam, acho que até mesmo para quem não está acostumado com o estilo, até porque eu comecei a gostar desses tipos de livros por causa dessas reações.

    A venho aqui divulgar uma promo do meu blog

    to sorteando o livro Wild Cards + camisa

    http://onerdmarombeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Igor. Senti muita falta desse "cacete, agora fu..." nesse livro. Quando eu achava que o livro daria essa oportunidade, tudo era esclarecido rápido. Um pena...

      Excluir
  2. Achei a história interessante, gosto do gênero policial, aliás não sou muito exigente com gênero. Gosto mesmo é de uma boa leitura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gosto de certos tipos de gênero mais do que de outros, mas uma boa história, em qq gênero, é o que vale no final, né? :D

      Excluir