1 de novembro de 2013

Livro Pela Luz dos Olhos Seus – Janine Boissard

Quando li a sinopse do livro Pela Luz dos Olhos Seus, da Janine Boissard, no release da Arqueiro, na hora tive vontade de ler. Por isso, li em menos de dois dias quando recebi da editora.

A sinopse é assim: “Laura Vincent cresceu entre o mar e as macieiras da Normandia. Passou a adolescência à sombra da irmã mais velha. Agathe – a bela – era admirada e disputada por todos os garotos da cidade; Laura – a pequena – passava as noites em casa, lendo romances.

Mas o destino preparou uma surpresa para Laura. Trabalhando como assessora de imprensa de músicos, ela recebe, no dia seguinte ao seu aniversário de 26 anos, a visita do agente de um dos tenores mais famosos do mundo. Ela é requisitada para ser guia dele e seu chefe não deixa margem para discussão.

Rico e bem-sucedido, Claudio Roman viaja pelo mundo emocionando plateias com sua voz. Fã de banquetes, bebedeiras e belas mulheres, ele parece ter tudo o que quer, porém seu comportamento esconde a amargura de nunca poder interpretar Alfredo, em La Traviata, por causa de um ataque criminoso que lhe custou a visão.

Laura está preparada para lidar com um homem difícil e arrogante, mas, assim que ouve Claudio cantar pela primeira vez, ele toca seu coração. Aos poucos, mais do que sua guia, ela se torna também a confidente das noites sombrias de angústia.

Como ela nunca lhe pede nada em troca de seu apoio, Claudio promete lhe dar qualquer coisa. No momento certo, ela cobra a promessa: quer que o cantor se submeta a um transplante de córnea capaz de lhe restituir a visão de um dos olhos.

Apaixonada e convencida de que Claudio não precisará mais dela quando voltar a enxergar, Laura vai embora sem se despedir e sem dar a ele a oportunidade de vê-la. Será que Claudio saberá lidar com essa decisão? Ou ele vai enfim perceber que sempre lhe faltou o alimento mais essencial à vida: o amor?".

Confesso que achei que teria mais drama, um embate maior entre os personagens, mais suspense ou qualquer coisa assim. A primeira parte é um pouco arrastada (no sentido de enrolar, apesar de serem poucas páginas), então o livro termina de forma abrupta. Tudo é resolvido rápido, sem grandes dramas. Ou melhor, há drama, mas é mais um “mimimi” da protagonista do que do enredo. Ela tem uma baixa autoestima incrível, chega a dar nos nervos; o que é muito contraditório também, pois Laura mostra uma determinação que não seria possível para uma pessoa tão tensa; só o amor mesmo.

Mas o livro é muito bonito e o caminho escolhido pela autora é mostrar como o amor pode nos mover para situações impensáveis e nos dá forças que nunca imaginamos que tínhamos. Toda a história é permeada por trechos de letras de composições de Bethoven e outros clássicos.

Apesar de ter tido o “choque inicial” de não ser um livro pra suspirar ou entrar em depressão profunda, por ser bem direto, é um bom livro de romance. Só que não consegui me apegar ao livro como me apeguei à sinopse. Senti falta de um ápice, de um momento em que pensaria “xi... é agora...”.

Testado por Rafaela

6 comentários:

  1. Oi, Rafa!
    Nossa eu me apeguei a esta sinopse. É mais encantadora do que a capa do livro. E tu sabe que eu adoro um drama, né?

    Fiquei curiosa com o final... #pronto #agoraqueroler

    XOXO

    Mia Duarte - Hora da Colunista do Entre Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tb fiquei superapegada à sinopse, por isso senti uma leve decepção. Esperava um pouco mais. Mas acho que você deve ler para tirar as conclusões. rsrs

      Excluir
  2. Ando meio preguiçosa pra ler, mas quando começo não quero parar. Fiquei curiosa com esse livro.
    Vou ler, com certeza.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse livro é fininho, vc vai ler rapidinho.

      Excluir
  3. Eu li a sinopse, achei bacana e não pedi o livro. Mas acho que é por causa da quantidade de livros que já tenho me esperando, ando devagar com a leitura. Parece bacana. Beijos, Rafa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A sinopse me ganhou, mas o livro poderia pesar um pouco mais a mão no drama. rsrs

      Excluir