15 de dezembro de 2014

Livro O que eu sei de verdade – Oprah Winfrey

Sinopse

“O que eu sei de verdade é: sua jornada começa com a decisão de se levantar, sair e viver plenamente.” – Oprah Winfrey
Entre os talentos de Oprah Winfrey está sua capacidade de compreender a natureza humana como poucos e, ao mesmo tempo, colocar essa sabedoria em palavras.
Desde que foi questionada sobre as coisas de que tinha certeza na vida, ela passou a escrever uma coluna mensal em sua revista com reflexões sobre relacionamentos amorosos, família, autoestima, medos, fracassos e superação.
Neste livro, você irá encontrar uma seleção, feita pela própria autora, das melhores crônicas lançadas ao longo dos 14 anos de existência da coluna.
Em textos curtos, Oprah oferece mensagens profundas que vão ajudá-lo a fazer as pazes com seu corpo, a construir relacionamentos mais harmoniosos e a mudar sua maneira de encarar os problemas.
Ao fim da leitura, você se sentirá inspirado a se tornar e extrair o máximo do que a vida tem a oferecer.


Eu adoro a Oprah Wnifrey. Alguns dizem que ela explora o sofrimento alheio pela audiência, outros falam que o programa dela é uma futilidade. Mas não interessa para mim. Acho uma ótima apresentadora que consegue abordar vários temas, do mais triste ao mais divertido. Enfim... Além de ser uma das apresentadoras mais famosas do mundo, ela possui uma coluna em revista O há anos (além de seu próprio canal de TV). A cada texto ela tenta passar uma mensagem positiva, do estilo autoajuda, com um toque de humor ou um tom mais sério e dramático, dependendo do temo. Nesses textos, ela conta o que ela aprendeu, e ainda aprende, durante a vida e o que ela tirou como lição para seguir adiante. O que percebeu ser essencial para ela, enfim, suas experiências. 

Ela reuniu em oito capítulos algumas dessas crônicas. Aqui no Brasil, a editora Sextante publicou (e nos enviou um exemplar).

O que eu sei de verdade é curtinho (190 páginas) mas nos dá uma ideia da vida pessoal e profissional da Oprah.

Apesar de não ser muito fã de autoajuda, esse livro não é necessariamente assim porque ela não dita regras, não lista mandamentos. Mas mostra pela experiência dela o que a gente também pode levar para a vida ou nos faz, pelo menos, refletir um pouco sobre nossas atitudes.

Testado por Rafaela

2 comentários:

  1. Gosto muito da Oprah, sempre assisti seus programas quando passava no GNT. Acho que ela é uma pessoa dinâmica e positiva. Já relatou os momentos difíceis que passou e soube dar a volta por cima até chegar onde chegou.

    ResponderExcluir